Covid.-19

Itália vai ressarcir passageiros com voos cancelados

Itália vai ressarcir passageiros com voos cancelados

A Entidade Nacional para a Aviação Civil (ENAC) italiana informou este sábado que vai reembolsar os passageiros que tinham bilhetes para voos que saiam de Itália e que foram cancelados devido às restrições impostas pelo epidemia do coronavírus.

A ENAC, que está sob a tutela do Ministério da Aviação italiano, vai também devolver o dinheiro no caso das rotas que pontualmente não sairam do país por indicação das autoridades.

Contudo, os passageiros que cancelaram voluntariamente os seus voos ou sofreram atrasos prolongados não serão ressarcidos.

A decisão foi tomada depois que várias companhias aéreas internacionais terem decidido cancelar ou reduzir seus voos para Itália devido ao surto de coronavírus, que afeta especialmente o norte do país e deixou 821 infectados e 21 mortos.

A associação italiana que representa todos os gerentes de aeroportos do país (Assaeroporti) está a recolher dados sobre o número específico de cancelamentos em todo o país.

A empresa que administra os aeroportos de Milão-Linate e Milão Malpensa informou a agência EFE que, em três dias, 32,5% dos turistas cancelaram seus voos para Milão.