Covid-19

Japão ultrapassou os 100 mil casos e regista 1755 mortos

Japão ultrapassou os 100 mil casos e regista 1755 mortos

O Japão ultrapassou esta quinta-feira os 100 mil casos de contágio do novo ​​​​​​​coronavírus e regista 1755 mortes, segundo dados avançados pela estação de televisão pública nipónica NHK.

Os dados, antecipados esta quinta-feira de manhã pela estação de televisão, indicam que o número total de infetados pelo vírus SARS-CoV-2 chegou a 100.180.

Esse número inclui os 712 infetados no navio de cruzeiro Diamond Princess, que chegou ao porto de Yokohama em fevereiro passado com mais de 3000 pessoas a bordo.

O Japão, que tem cerca de 120 milhões de habitantes, registou o primeiro caso de coronavírus em 16 de janeiro, um cidadão chinês residente no país que havia visitado Wuhan.

Dos mais de 100 mil casos registados no Japão, 30.677 estão concentrados em Tóquio e 12.348 em Osaka, sul da capital.

O Japão registou o maior impacto da pandemia no início de abril, levando o governo a declarar em 7 de abril um estado de alerta que vigorou até 25 de maio.

Este alerta não implicou confinamento da população, embora tenham sido implementadas muitas restrições à abertura de lojas, restaurantes, bares e parques públicos, bem como o cancelamento de eventos em massa.

Uma segunda onda foi registada em julho, com incidência especial em agosto, embora o número diário de infetados tenha estabilizado nas últimas semanas.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 44 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Outras Notícias