Diáspora

Cientista da diáspora quase centenário patrocina bolsas em Cantanhede

Cientista da diáspora quase centenário patrocina bolsas em Cantanhede

Duas bolsas anuais para promoção da inovação científica junto dos mais jovens foram, esta quinta-feira, apresentadas pelo município de Cantanhede, que as criou, dando corpo a uma ideia de um geneticista português radicado na Suécia há 70 anos.

As Bolsas de Inovação Científica Professor Doutor António Lima de Faria, no valor anual de mil euros cada, têm um prazo de duração de cinco anos e vão ser patrocinadas, uma pela autarquia de Cantanhede, distrito de Coimbra e a outra pelo académico e investigador que completa 100 anos em julho de 2021.

Na sessão desta quarta-feira, a presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, Helena Teodósio, enalteceu a "ideia" de António Lima de Faria, acolhida pelo município, em criar as bolsas, destacando o "grande legado científico e humano" do especialista em genética.

Leia mais em Bom Dia

Outras Notícias