Comunidades portuguesas

Governo português vai criar programas para apoiar emigrantes afetados pela crise

Governo português vai criar programas para apoiar emigrantes afetados pela crise

A secretária de Estado das Comunidades, Berta Nunes, anunciou este domingo, dia 17 de maio, a criação de vários programas para ajudar as comunidades portuguesas no estrangeiro a ultrapassar as dificuldades provocadas pela pandemia da covid-19 e pelo consequente confinamento nos vários países.

As iniciativas visam ajudar os portugueses que vivem e trabalham noutros países a enfrentar a "situação excecional" provocada pela pandemia do novo coronavírus. Um desses programas tem como objetivo "dar um apoio adicional" às associações que ajudam os portugueses, nomeadamente em países como a Venezuela e o Brasil, e vai ser suplementar ao programa anual para este fim.

"O apoio adicional visa as associações que dão apoio aos mais desfavorecidos, como os idosos, os desempregados ou até os presos" e deverá ser ativado "dentro de duas a três semanas", explicou Berta Nunes.

De acordo com a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, "muitos portugueses são apoiados por associações, como é o caso da Venezuela e do Brasil, e essas associações precisam de apoio para continuar a ajudar".

Além disso será criado "um programa para apoio aos órgãos de comunicação social na diáspora", adiantou Berta Nunes, durante a sua intervenção na iniciativa do PS "Diálogos Digitais com as Comunidades Portuguesas Fora da Europa", realizada este domingo.

Leia mais em Contacto

Outras Notícias