IRS

Governo reduz impostos para atrair funcionários consulares

Governo reduz impostos para atrair funcionários consulares

O Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, admitiu que há falta de pessoal em alguns Consulados de Portugal, mas garantiu que já estão previstas medidas para assegurar estes serviços.

"Conseguimos fechar um trabalho de cerca de dois anos para garantir que uma parte do salário de vários trabalhadores consulares, assim como de professores de português no estrangeiro, esteja isenta do IRS [Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares], nomeadamente nos países onde o poder de compra está muito acima do nível de poder de compra em Portugal", adiantou.

"Realizámos estudos com base nos indicadores do Banco Mundial e da OCDE e chegámos à conclusão de que havia um conjunto de países em que o poder de compra era muito acima dos níveis de poder de compra em Portugal", revelou, justificando a falta de interesse pelas vagas em Consulados.

Leia mais em LusoJornal

ver mais vídeos