Desaparecimento

Mãe de portuguesa desaparecida na Alemanha deixa apelo

Mãe de portuguesa desaparecida na Alemanha deixa apelo

Uma portuguesa de 37 anos está desaparecida na Alemanha desde o fim de maio. Familiares e amigos têm partilhado o caso nas redes sociais. ​​Ao JN, a mãe fez um apelo.

Inês Isabel Dias desapareceu no dia 30 de maio depois de uma ida às urgências de um hospital em Neumarkt (perto de Nuremberga), cidade alemã para onde foi viver em fevereiro de 2018 com o companheiro.

De acordo com relatos da família publicados no Facebook, Inês, mãe de um menino e uma menina, terá abandonado a unidade hospitalar à qual recorreu depois de lhe ter sido dito que teria de passar lá a noite para vigilância.

A mãe, Helena Dias, contou ao JN que a filha estará a passar por uma perturbação do foro psíquico, adiantando que, há dois anos, uma depressão lhe terá provocado um surto psicótico. Entretanto, "foi tratada e ficou muito bem". Mas, acredita Helena, a situação estará a repetir-se.

As autoridades alemãs e o consulado português na Alemanha já estão ao corrente do desaparecimento, informou a mãe, que apela a quem possa ver a filha que entre imediatamente em contacto com as autoridades.

Apesar de alguns relatos de avisamentos (a família recebeu contactos de pessoas que dizem ter visto Inês em Estugarda e em Altenberge), a portuguesa continua sem dar sinal.