Venezuela

Permanências consulares retomadas na Venezuela para auxiliar portugueses

Permanências consulares retomadas na Venezuela para auxiliar portugueses

O consulado-geral de Portugal em Caracas vai retomar as permanências ​​​​​​​consulares em várias localidades venezuelanas, para atender os portugueses que precisam de passaportes e do Cartão de Cidadão mas que têm dificuldades em deslocar-se à capital.

O anúncio foi feito pelo cônsul-geral de Portugal em Caracas, Licínio Bingre do Amaral, a poucas horas de viajar para a cidade de Barcelona, no Estado venezuelano de Anzoátegui (320 quilómetros a leste da capital) para realizar a primeira permanência consular local após o início da pandemia de covid-19, em março de 2020.

"Vamos fazer permanências consulares novamente. As permanências foram suspensas desde meados do ano passado devido à situação da pandemia na Venezuela e a todas as limitações de deslocação, mas nota-se claramente que há cada vez mais dificuldade das pessoas, de fora de Caracas, em poderem deslocar-se à capital, pelas questões da quarentena e da gasolina, e, portanto, temos que voltar novamente para a estrada", afirmou Bingre do Amaral.

Leia mais em Bom Dia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG