Emigrantes

Remessas dos emigrantes diminuíram no ano passado

Remessas dos emigrantes diminuíram no ano passado

As remessas dos emigrantes registaram uma diminuição de 1,06% em 2019, face ao ano anterior, com a França e a Suíça a manterem as origens mais significativas destas transferências financeiras, de acordo com um relatório divulgado esta segunda-feira.

O Relatório da Emigração, elaborado pelo Observatório da Emigração, um centro de investigação do ISCTE -Instituto Universitário de Lisboa, indica que, no contexto internacional, em termos de remessas recebidas pelos seus emigrantes, Portugal desceu do 33.º lugar em 2018 para o 36.º lugar em 2019.

As transferências financeiras provenientes da emigração portuguesa têm verificado uma tendência de crescimento. Contudo, em 2019 registou-se um pequeno decréscimo face a 2018, de menos 1,06%.

Leia mais em LusoJornal

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG