Londres

Susana Gifford e a "Máfia Portuguesa"

Susana Gifford e a "Máfia Portuguesa"

Após um estágio de seis meses em São Paulo (Brasil), Susana Gifford, mestre em Economia, juntou-se à gigante de inteligência de mercado International Data Corporation (IDC). Oito anos depois, os colegas consideram-na uma "especialista em telemóveis".

Susana não foi a única a começar a sua carreira com a ajuda do Governo português, através do programa de formação INOV Contacto, destinado a jovens licenciados no estrangeiro. Surpreendentemente, grande parte da sua equipa "aterrou" na IDC da mesma forma, acabando por ficar em Londres. Os restantes colegas atribuíram-lhes uma alcunha: "a Máfia Portuguesa".

O que agora lhe é familiar e confortável foi, no início, um obstáculo. Recorda-se particularmente de não conviver muito com outros grupos e comunidades, já que o seu inglês ainda não lhe dava confiança para isso. Por outro lado, Susana acolheu outros portugueses recém-chegados à capital inglesa, entre os quais Susana João (segunda fotografia na galeria de imagens acima).

Susana Gifford mudou-se de Chiswick para South Acton, onde agora vive, mas, no início, emprestava o quarto a recém-chegados. Foi nesta casa partilhada que conheceu Craig (atual marido), que saiu da Austrália, onde nasceu, há 13 anos, para viajar pela Europa. Há 20 meses nasceu o primeiro filho do casal, Eliot.

Por enquanto, pretendem ficar em Londres, já que Craig não fala português e a Austrália "é, simplesmente, longe demais". Há algumas diferenças culturais entre o casal, todas elas engraçadas e relacionadas com comida. "O Craig acha sempre muito estranho que eu coma hambúrgueres sem o pão por cima, mas sim com massa ou arroz a acompanhar, por exemplo. E ele quase que arruinou uma das nossas primeiras saídas ao pedir pipocas salgadas, em vez de doces", contou Susana Gifford, entre gargalhadas.

A amiga Susana João é professora de Educação Física e coordenadora de atividades extracurriculares, tais como o ioga para crianças e o clube de jardinagem. Super motivada, é, ainda, personal trainer e professora de natação nos tempos livres.

"Eu farto-me com facilidade e gosto de estar sempre a aprender", afirma, sorrindo timidamente. Quando tem um momento de descanso, avança numa aventura de mota: o seu último passeio foi do Reino Unido à Bélgica. Aliás, foi nas aulas de condução que conheceu o namorado, companhia perfeita para percorrer o país. Bath e as Cotswolds são os seus locais de eleição no Reino Unido.

Despedimo-nos com a sensação de que este é certamente um dos pontos de encontro da comunidade lusitana. Um nome mais carinhoso do que "A Máfia Portuguesa", apesar do seu impacto.