O Jogo ao Vivo

Droga

Mais de uma tonelada de cocaína apreendida em operação na selva peruana

Mais de uma tonelada de cocaína apreendida em operação na selva peruana

Mais de uma tonelada de cocaína foi apreendida no Peru, no Vale dos Rios ​​​​​​​Apurímac, Ene y Mantaro (VRAEM), a principal zona de produção de coca do país, informou este sábado o Comando Conjunto das Forças Armadas (CCFFAA).

No total foram apreendidos 1.160,95 quilos de droga em vários pontos do município de Megantoni, na selva peruana situada na região de Cusco (sul), no âmbito de uma operação conjunta das Forças Armadas e da Polícia Nacional com o nome de código Jucavello.

Em 27 de abril, foram apreendidos 380,95 quilos de pasta básica de cocaína e 900 recipientes de combustíveis, produto utilizado no processo de fabrico da cocaína.

Na quarta-feira, os militares e polícias detetaram de seguida 440 quilos de cloridrato de cocaína perto de uma pista de aterragem clandestina, construída na selva para receber as "narco-avionetas" que transportam grandes quantidades de droga diretamente para a Bolívia e o Brasil.

Os responsáveis militares asseguraram que esta pista clandestina e uma outra também descoberta na mesma operação foram inutilizadas com explosivos para evitar novas aterragens, enquanto foram incendiadas três embarcações supostamente utilizadas pelos narcotraficantes nos rios da região.

Na sexta-feira, foi ainda anunciada pelos militares a deteção na mesma zona de outros 340 quilos de cloridrato de cocaína.

O VRAEM constitui uma extensa área agreste na vertente leste dos Andes peruanos e que se reparte por quatro regiões do país de onde provém 70% das cerca de 411 toneladas de cocaína que anualmente saem do Peru, principalmente para a Europa e Estados Unidos, segundo as últimas estimativas oficiais.

PUB

Esta zona é ainda o reduto do Militarizado Partido Comunista do Peru (MPCP), um remanescente do grupo armado de inspiração maoista Sendero Luminoso, que segundo Lima, sobrevive em conivência com o narcotráfico, que o financia em troca de garantias de segurança para o transporte da cocaína.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG