Pandemia

Malta é o país da União Europeia que mais vacinou contra a covid-19

Malta é o país da União Europeia que mais vacinou contra a covid-19

Malta é de entre os 27 Estados-membros da UE o país onde foram administradas mais doses de vacinas contra a doença covid-19, com 18,54 vacinas por cada 100 habitantes, segundo dados recolhidos pelo portal ourworldindata.org até 2 de março.

Portugal registou, na última semana, um aumento de cerca de 25% na administração de doses de vacinas, passando de 12.º país da UE com maior média de imunizados para o 7.º lugar, com 8,52 doses por cada 100 habitantes em Portugal, valor que fica acima da média dos 27 que, no seu conjunto, deu 7,70 doses de vacina por cada centena de cidadãos.

Depois de Malta, segue-se a Dinamarca, com 10,97 doses por centena de pessoas.

Os últimos lugares dos 27 são ocupados pela Bulgária, com 3,22%, e a Letónia, com 3,41%.

Em termos globais, Israel mantém-se como o país do mundo que mais doses de vacinas administrou, apresentando uma média de 96,07%, o que representa uma subida de 8,2% em relação à semana passada.

Na perspetiva das regiões, a América do Norte é a que mais imunizações têm, tendo dado 13,91 doses de vacinas por centena de pessoas, seguindo-se a Europa, enquanto continente, com 8,52 doses.

Estes números ficam muito além dos registados em África, onde foram apenas administradas 0,31 doses de vacinas por cada 100 habitantes, e a Ásia, onde a média sobe um pouco, mas fica-se pelos 2,17.

PUB

No cômputo geral, foram administradas 3,38 doses de vacinas ​​​​​​​anti-covid-19 por cada 100 pessoas do mundo, o que representa um crescimento de 22% face à semana passada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG