Mundo

Mandela festeja 95 anos no hospital

Mandela festeja 95 anos no hospital

Milhões de pessoas celebram esta quinta-feira, um pouco por todo o Mundo, os 95 anos do antigo presidente da África do Sul, Nelson Mandela, que continua hospitalizado, "mas plenamente consciente" numa clínica em Pretória.

Em entrevista à AFP, a filha Zindzi contou que Mandela "estava a ver televisão com os auriculares" e que sorriu aos familiares que o visitaram. A família realiza esta quinta-feira um almoço na clínica privada onde ele está internado.

O homem que dedicou a vida a lutar por um país livre e justo trava, desde 8 de junho, uma dura batalha contra uma infeção pulmonar, problema que contraiu nos 27 anos que passou na prisão.

Nascido a 18 de julho de 1918, em Mzevo, Mandela envolveu-se desde muito cedo nas lutas contra o apartheid, regime de segregação racial que vigorou na África do Sul entre 1948 e 1994.

Condenado a prisão perpétua em junho de 1964, foi encarcerado na prisão de Robben Island. Em 1982 foi transferido para o presídio de Pollsmoor e, seis anos mais tarde, para a prisão de Victor Vester. Saiu em 1990, após uma intensa campanha a favor da sua libertação.

Em 1993, Mandela e Frederik de Klerk, então presidente da África do Sul, conquistam o Nobel da Paz por terem posto fim ao apartheid. No ano seguinte, Mandela foi eleito o primeiro presidente da África do Sul livre, cargo que ocupou até 1999, quando tinha 81 anos.

Em 2010, a ONU declarou o 18 de julho Dia Internacional Nelson Mandela. Em sua homenagem, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, desafiou todos a dedicarem 67 minutos do seu dia de hoje - um por cada ano que Mandela dedicou à militância política - a ajudar o próximo. Uma sondagem recente revelou que 89% dos jovens sul-africanos prometeram participar numa ação de caridade.

PUB

Às 8 horas desta quinta-feira (7 horas em Lisboa), um coro composto por milhares de estudantes sul-africanos irá cantar os "Parabéns" a Madiba, nome como é carinhosamente tratado pelo povo.

Na quarta-feira a presidente do Parlamento português elegeu Mandela como "a figura mais importante de toda a História".

Celebrações por todo o Mundo

A Câmara de Lisboa e a Academia Ubuntu descerram esta quinta-feira, no Rossio, uma placa comemorativa dos 95 anos de Mandela. Serão lançados 67 balões e atuará a Orquestra Todos.

Na África do Sul, o presidente Jacob Zuma distribui casas a famílias brancas pobres da comunidade de Danville, um bairro ilegal nos arredores de Pretória, depois de ter visitado o local em 2008 e 2010.

Durante a manhã desta quinta-feira, dia em que arranca a 6.ª cimeira anual África do Sul/União Europeia, representantes da UE vão distribuir alimentos nas escolas do subúrbio de Pretória.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG