crianças

Mantinham crianças numa jaula de cães

Mantinham crianças numa jaula de cães

Quatro jovens norte-americanos estão acusados de manterem duas crianças num canil em casa, no Nebraska, EUA. As crianças, de cinco e três anos, foram encontradas trancadas numa jaula de arame para cães.

A polícia de North Platte, no Nebraska, recebeu esta segunda-feira uma denúncia anónima que informava o estado em que as crianças viviam. Depois de uma busca à casa, as autoridades relataram as condições com que se depararam.

"Quando os polícias chegaram e entraram no local, depararam-se com uma habitação sem qualquer tipo de condições sanitárias e de segurança, tanto para as crianças como para os adultos que lá viviam. Havia lixo, roupa suja, fezes e urina de animais por toda a casa", disse o oficial da polícia de North Platte, Rich Hoaglund.

Na habitação viviam, para além das crianças enjauladas, mais duas crianças, uma com oito anos e outra com 8 meses, e quatro adultos com idades entre os 20 e os 25 anos.

As outras duas crianças não foram encontradas dentro da jaula mas, segundo a polícia, estavam em condições nada saudáveis.

A polícia afirmou que os quatro adultos, cuja relação com as crianças ainda não foi esclarecida, estavam muito conscientes das condições em que viviam.

Foram acusados do crime de abuso de menores e da prisão domiciliária das crianças.