O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Maré humana de desespero dá à costa em Ceuta

Maré humana de desespero dá à costa em Ceuta

Oito mil migrantes entraram numa semana no enclave espanhol. Pressão é de Marrocos, mas como e porquê?

Um bebé inerte, que escorregou das costas do pai no mar, é o rosto do gelo e da mortificação. Salvou-o Juan Fran, soldado da Guardia Civil de Espanha que se atira à água vestido, irreprimido. Diz: "Fui treinado para enfrentar quase qualquer situação no mar, mas esta maré humana com centenas de desesperados, isto nunca imaginei viver".

Luna, voluntária da Cruz Vermelha que abraça um senegalês em pranto é o rosto da humanidade. Mas a humanidade tem um anverso: Luna primeiro tornou-se viral e depois viu-se insultada por abraçar um negro ilegal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG