Contestação

Médicas publicam fotos em biquíni em protesto

Médicas publicam fotos em biquíni em protesto

Várias médicas por todo o mundo estão a publicar fotos pessoais em biquíni num protesto contra um estudo que classifica essas imagens como "pouco profissionais".

O estudo, publicado no "Journal of Vascular Surgery", refere que os pacientes podem escolher o hospital ou médico com base no profissionalismo que aparentam ter nas redes sociais.

Os investigadores criaram contas falsas para analisar as fotografias publicadas nas contas pessoais das médicas e concluíram que 61 das 235 estudadas revelavam "pouco profissionalismo ou conteúdo potencialmente pouco profissional", segundo o site "Insider.com"

Comportamento não profissional é definido pelos investigadores como beber álcool, utilizar linguagem ofensiva, vestir disfarces de Halloween e publicar fotos em biquíni.

Em protesto, várias médicas utilizaram a hashtag #MedBikini para partilhar fotos em biquíni. Em alguns casos vê-se mesmo as profissionais de saúde a beberem bebidas alcoólicas e a escreverem com linguagem potencialmente ofensiva.

PUB

Médicos do sexo masculino também partilharam algumas fotos de tronco nu para mostrar o seu apoio às profissionais de saúde que foram algo deste estudo.

Outras Notícias