O Jogo ao Vivo

Espanha

Menina de dois anos desaparecida em Espanha foi encontrada a dormir agarrada ao cão

Menina de dois anos desaparecida em Espanha foi encontrada a dormir agarrada ao cão

Uma menina de dois anos esteve desaparecida durante sete horas em Espanha. Foi encontrada a dormir, protegida pelo cão já de madrugada, quando começava a chover.

Enma desapareceu na segunda-feira nos montes Gredos, em Espanha. Segundo a Guardia Civil, a menina, de dois anos, desapareceu ao fim da tarde de segunda-feira durante um passeio com o pai e o cão, perto de Ávila, em pleno Parque Regional da Serra de Gredos.

A família alertou as autoridades às 19.20 horas de segunda-feira e rapidamente se mobilizaram elementos da Proteção Civil, Guardia Civil e várias pessoas da região nas buscas.

Uma moradora pôs as autoridades no caminho certo, ao dizer que teria visto uma menina passar-lhe à porta. A Guardia Civil encontrou uma pegada, com o logótipo da marca de sapatos que calçava, em direção ao monte e segui essa pista.

Após sete horas de buscas, e quando começava a chover, a equipa de resgate ouviu o ladrar do cão que acompanhava a menina, em resposta ao ladrar dos cães pisteiros que procuravam Enma.

Encontraram a criança a dormir, protegida pelo animal, um cão de raça andaluza podenco chamado Kie. "Estava encolhida, a tiritar de frio abraçada ao cão", contou o sargento chefe do Grupo de Resgate Especial de Intervenção em Montanha da Guardia Civil de Ávila, Jorge López. "Estava tranquila e tinha apenas uns arranhões", acrescentou, a uma agência de notícias local.

"Se não fosse o cão não a tínhamos encontrado", acrescentou um elemento da Proteção Civil de El Barco de Ávila, Ricardo Salinas, citado pelo jornal "El País".

Emna foi encontrada numa zona isolada perto de uma escarpa, a quatro quilómetros do local onde desapareceu. "Se não estivesse na equipa de buscas, não acreditava como era possível ter andado tanto", disse Salinas.