Berlusconi

Milhares de manifestantes pedem demissão de Berlusconi

Milhares de manifestantes pedem demissão de Berlusconi

Milhares de pessoas estão, este sábado, concentradas em várias ruas de Roma a gritar "demissão, demissão", na expectativa que o chefe do Governo, Silvio Berlusconi, abandone a liderança.

A presidência de Itália já anunciou que Berlusconi vai apresentar a demissão às 19.30 horas (mais uma hora em Itália) ao presidente da República, Giorgio Napolitano.

A demissão de "Il Cavaliere" era esperada depois de, esta tarde, a Câmara dos Deputados ter aprovado definitivamente o conjunto de medidas prometidas à União Europeia para reduzir a dívida e relançar o crescimento económico.

O pacote foi aprovado com 380 votos a favor, 26 contra e duas abstenções.

Nas ruas de Roma, os manifestantes mostram várias bandeiras italianas e cartazes onde se pode ler "Bye Bye Silvio", "Desaparece!" e "Finalmente!", na expectativa da formalização da demissão de "Il Cavalieri".

"Estamos muito felizes por Berlusconi, finalmente, ir para casa", disse uma manifestante no meio de dezenas de assobios, enquanto outro gritava: "Adeus, e sobretudo não voltes!".

O presidente da República, Giorgio Napolitano, deverá entregar o poder ao ex-comissário europeu Mario Monti.

Silvio Berlusconi, 75 anos, tinha anunciado que iria apresentar a demissão assim que estas medidas fossem aprovadas pelo Parlamento.