Coreia do Norte

Milhares de panfletos norte-coreanos com ameaças de ataque chegaram a ilha sul-coreana

Milhares de panfletos norte-coreanos com ameaças de ataque chegaram a ilha sul-coreana

Milhares de panfletos com a ameaça de um ataque armado da Coreia do Norte chegaram à ilha sul-coreana de Baengnyeong, informou o Ministério da Defesa de Seul.

Os panfletos, encontrados por soldados sul-coreanos, alertam que o Exército Popular da Coreia do Norte está a preparar um bombardeamento contra a ilha que terá como objetivo eliminar os militares que aí se encontram.

"Não é raro o envio destes panfletos, mas é a primeira vez este ano" que chegam a Baengnyeong, disse um porta-voz do Ministério da Defesa de Seul citado pela agência Efe.

Baengnyeong é a ilha mais ocidental da Coreia do Sul, a apenas 13,4 quilómetros da costa da Coreia do Norte.

O mesmo porta-voz do Governo sul-coreano indicou que Seul não vai adotar medidas especiais depois da descoberta destes panfletos, mas confirmou que as Forças Armadas do país continuam preparadas para eventuais "provocações" do norte.

O tio do líder norte-coreano Kim Jong-un e ex-número dois do regime Jang Song-thaek foi executado na semana passada e a presidente sul-coreana, Park Geun-hye, colocou o seu Exército sob alerta perante eventuais provocações, na sequência de aparentes mudanças políticas em Pyongyang.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG