O Jogo ao Vivo

Mundo

Cirurgia de 36 horas devolveu um novo rosto a homem desfigurado

Cirurgia de 36 horas devolveu um novo rosto a homem desfigurado

Sete meses depois de receber o transplante de face mais completo da história, Richard Lee Norris, de 37 anos, já pode sair à luz do dia.

"Durante os últimos 15 anos, vivi como um recluso por detrás de uma máscara cirúrgica e saindo à rua quase sempre à noite, quando havia menos gente", afirmou Richard Norris, de acordo com um comunicado do Centro Médico da Universidade de Maryland, nos EUA. Foi ali que a operação plástica decorreu no passado mês de março.

"Agora posso sair de casa e não ter de enfrentar os olhares atónitos e os comentários das pessoas", realçou.

Richard Norris ficou ferido num acidente com uma arma em 1997. Perdeu uma grande extensão dos dois maxilares, assim como os lábios e o nariz.

Numa cirurgia de 36 horas, foram substituídas as duas maxilas, dentes, língua e pele, assim como o tecido muscular desde o couro cabeludo até ao pescoço.

"As pessoas olhavam para mim devido à minha cara desfigurada", afirmou Norris. "Agora podem olhar para mim com admiração devido à transformação que houve em mim. Já posso andar ao lado das pessoas e já ninguém me lança um segundo olhar", referiu.

Para já, consegue mexer o lado direito da face em 80% do normal e o lado esquerdo em cerca de 40%. Consegue cheirar e saborear.

Norris faz, diariamente, exercícios de terapia facial e da fala. "Tenho feito progressos e, todos os dias, melhoro a minha capacidade de falar", revelou.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG