médicos

Falso médico injectou cimento nas nádegas de pacientes

Falso médico injectou cimento nas nádegas de pacientes

O "médico" Oneal Ron Morris, 30 anos, foi preso no passado fim-de-semana, em Miami, acusado de injectar uma mistura de cimento, azeite mineral e selante nas nádegas das pacientes. O falso médico, a passar pelo processo de mudança de sexo, também se tinha injectado a ele prório a substância.

O caso da injecção de substâncias perigosas nas nádegas das pacientes foi descoberto pelas autoridades depois de uma mulher ter apresentado queixa contra Morris, há cerca de um ano. A queixosa começou a sentir-se doente e após várias idas ao hospital acabou por descobrir que tinha cimento no traseiro.

Depois da mediatização do caso desta paciente, as autoridades descobriram que muitas outras mulheres tinham sido alvo da injecção de cimento. Os telefones da Polícia de Miami Gardens foram invadidos, na semana passada, por chamadas de mulheres que se queixavam do fracasso das operações estéticas.

"Tenho muitas chamadas para registar. Creio que a partir do momento em que as notícias foram vistas, as outras mulheres perceberam que não eram as únicas vítimas, animaram-se e começaram a fazer as denúncias", comentou o porta-voz da polícia, Michael Dillon.

Oneal Morris foi preso e acusado de exercer medicina sem licença. Saiu em liberdade com uma fiança de 7500 dólares e deve comparecer diante do juiz em Dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG