Impostos

Governador nos EUA cria imposto sobre a chuva

Governador nos EUA cria imposto sobre a chuva

Martin O'Malley, governador democrata de Maryland, EUA, criou um imposto para taxar a quantidade de chuva que cai nas propriedade dos habitantes daquele estado.

Este imposto partiu de um decreto aprovado no ano passado, segundo o jornal britânico "Metro", pela Assembleia Legislativa, de modo a cumprir uma ordem da Agência de Proteção Ambiental para a limpeza do estuário da baía Chesapeake.

O imposto sobre a chuva será calculado através de um sistema de vigilância às habitações de cada cidadão por satélite.

Esta medida causou polémica e críticas porque esta nova taxa será um encargo financeiro maior para os cidadãos, que têm já outros impostos para pagar.

Esta lei requer à população o pagamento de um imposto baseado na quantidade de chuva que caia na sua propriedade ou nas superfícies impermeáveis das mesmas.

O republicano Dan Bogino, ex-candidato a senador, criticou os "políticos aristocratas em Maryland" que "farão qualquer coisa para diminuir a liberdade económica" da população e "deixar as suas carteiras à fome enquanto enchem as deles", citou o "Metro".

Richard Madaleno, senador democrata do condado de Montgomery, Maryland, disse que o estado não poderia evitar pagar esta despesa devido ao prazo dado pela Agência de Proteção Ambiental.