Consumo

Criada a primeira cerveja vaginal

Criada a primeira cerveja vaginal

Uma empresa polaca está a pedir dinheiro para comercializar a primeira cerveja vaginal. A bebida, de fabrico artesanal, terá bactérias da vagina de uma modelo checa.

"The Order of Yoni", assim se chama a cerveja, terá na sua composição a bactéria ácido-lactica retirada da vagina da manequim Alexandra Brendlova.

A ideia é criar uma cerveja com a "essência da feminilidade", diz a empresa, na campanha que colocou na internet para angariar os 150 mil euros necessários para concretizar o projeto.

A segurança da bebida parece estar assegurada: "O procedimento de isolamento e preparação da bactéria evita que outras bactérias e vírus sobrevivam, garantindo um produto final limpo e saudável" - explica a marca.

Conteúdo Patrocinado