forças de segurança

Fotografou carro da polícia e foi multada

Fotografou carro da polícia e foi multada

Uma mulher de Alicante, Espanha, fotografou um carro da polícia estacionado num lugar para pessoas com deficiência e divulgou a imagem nas redes sociais. Dias depois recebeu em casa uma multa de 800 euros.

"Estacionam onde querem" foi a legenda que uma residente em Petrer, Alicante, Espanha, escreveu numa fotografia que partilhou na página do Facebook de um grupo local de utilizadores. A imagem mostra um carro da polícia estacionado num lugar destinado a pessoas com deficiência, perto da sua residência.

Dois dias depois, a mulher, que não foi identificada, recebeu em casa uma multa de 800 euros por uma violação "grave" no âmbito da Lei de Segurança Cidadã, com base no pressuposto de poder "colocar em perigo a segurança pessoal dos agentes ou das suas famílias (...) ou ameaçar uma operação em curso", lê-se na edição online do jornal britânico "Telegraph".

As autoridades consideraram a divulgação da imagem como um ataque à sua reputação, quando os agentes em causa estavam em perseguição de criminosos num parque e "estacionaram onde puderam".

Em causa está a controversa Lei de Segurança Cidadã, também chamada de "Lei da Mordaça", que entrou em vigor a 1 de julho em Espanha e cujos críticos acusam de ser repressiva e violar o direito de liberdade de expressão. A lei interdita, por exemplo, sob pena de pagamento de uma multa, todo o ultraje contra a bandeira e outros símbolos do país. As multas podem chegar aos 30 mil euros, segundo o site "Euronews".

A primeira vítima conhecida foi Eduardo Díaz, de 27 anos e residente em Tenerife, que disse no Facebook que a corporação de polícia local era "um grupo de preguiçosos". Seis horas depois foi multado, noticiou o "El Mundo".