Bósnia Herzegovina

Homem mata urso com as próprias mãos

Homem mata urso com as próprias mãos

Um pastor bósnio, Blazo Grkovic, afirma ter matado um urso-pardo com as próprias mãos. O animal foi, alegadamente, morto com uma manobra de luta conhecida como "bear hug" (abraço de urso).

Blazo Grkovic, pastor bósnio, temeu pela vida quando um urso, atraído pelo rebanho, o atacou.

O homem reagiu de imediato executando uma manobra de submissão conhecida, ironicamente, como "bear hug" (abraço de urso), em torno do pescoço do urso. Durante todo o "combate", o animal arranhou e mordeu várias vezes Grkovic. Como descreveu ao jornal "The Telegraph": "Agarrei-me à volta do pescoço e apertei, apertei, até ficar imóvel", disse referindo-se ao urso.

O animal iniciou a investida enquanto Grkovic conduzia o seu rebanho em zonas montanhosas da Bósnia. A espécie que atacou o pastor, "Ursus arctos", é também conhecida como urso-pardo.

Apesar do feito, o pastor reconheceu a sua sorte na luta, num teste de força e inteligência.

"Ele mordeu-me e eu apertei-o até à morte. Tenho ferimentos um pouco por todo o lado, especialmente no meu braço esquerdo onde me mordeu duas ou três vezes".

A manobra de submissão "bear hug" consiste em envolver os braços à volta do oponente, normalmente, em torno da cintura ou na zona do peito, apertando com força. A manobra é "presa" com uma mão que envolve o outro pulso, e em alguns casos, com as mãos fechadas uma na outra com a pressão efetuada pelos dedos.