Mundo

Menina de 12 anos guia carro após morte de avô ao volante

Menina de 12 anos guia carro após morte de avô ao volante

Ao perceber que o avô tinha morrido enquanto conduzia e que ela não conseguiria chamar ajuda a tempo, Miranda Bowman, de 12 anos, tomou o volante e conseguiu parar o carro em segurança.

Miranda Bowman encontrava-se no carro com o avô quando este morreu, vítima de ataque do coração. Ambos regressavam a casa em Nova Jérsia, nos EUA, após um dia passado a andar de "kart".

A Paul Parker, 63 anos, já tinham sido diagnosticadas complicações cardíacas. "Ele disse que não se sentia bem e pediu-me para que continuasse a falar com ele", contou a menina, citada pelo "Huffington Post". "Depois ele disse que estava assustado, fechou os olhos e encostou a cabeça ao vidro. Foi aí que eu soube que ele estava morto", acrescentou Miranda Bowman.

Foi então que a menina de 12 anos tentou ligar para o número de emergência mas não conseguiu, pelo que decidiu tirar o cinto de segurança e tentar reduzir a velocidade do carro.

Além de conseguir abrandar a viatura, direcionou-a para alguns arbustos que estavam ao lado da estrada, conseguindo parar em segurança e sem ferimentos.

A família, embora devastada com a morte de Parker, está também orgulhosa da criança e aliviada por esta ter saído ilesa.

Outras Notícias