armas de fogo

Menina de 9 anos mata acidentalmente o instrutor de tiro

Menina de 9 anos mata acidentalmente o instrutor de tiro

Uma menina de 9 anos matou, acidentalmente, o instrutor de tiro quando manuseava uma pistola-metralhadora Uzi, no Arizona, Estados Unidos.

O instrutor estava a dar a aula no campo de treino de tiro "Last Stop", no Arizona, quando o recuo do fogo automático levou a menina a perder o controlo da Uzi.

Charles Vacca, de 39 anos, foi atingido na cabeça e transferido por meio áereo para um hospital em Las Vegas, onde foi declarado o óbito, anunciou a polícia, na terça-feira.

A menina estava no campo de tiro com os pais, que filmavam a aula na altura em que ocorreu o disparo fatal.

O vídeo foi divulgado pelas autoridades locais mas termina antes do instrutor ser atingido.

Sam Scarmardo, diretor do campo de tiro "Last Stop", declarou à NBC que "a prática estabelecida na maioria dos campos de tiro" quanto à idade mínima dos alunos "é de oito anos de idade e com supervisão dos pais".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG