Inglaterra

Porco engoliu podómetro e provocou incêndio após expelir objeto

Porco engoliu podómetro e provocou incêndio após expelir objeto

Um porco engoliu um podómetro - um dispositivo que conta os passos - e provocou um incêndio numa área de 75 metros quadrados, em Leeds, Inglaterra, depois de ter defecado.

A história é contada pelos próprios bombeiros de North Yorkshire em poucas palavras e com humor à mistura: "Devia ser um 'oink', não um 'tweet'. As corporações de Tadcaster e Knaresbororough foram chamadas para um incêndio em quatro pocilgas perto de Bramham. Nenhum porco ficou ferido. A causa do incêndio é atribuída a um podómetro com bateria que era transportado por um dos porcos (para provar que vivia ao ar livre) e que foi comido por outro porco", pode ler-se no Twitter.

Depois, "a natureza seguiu o seu curso", explicam os bombeiros. "Acredita-se que o cobre da bateria tenha reagido com as fezes e, em conjunto com a palha seca, provocou as chamas em aproximadamente 75 metros quadrados de feno. Uma mangueira foi usada para extinguir o fogo e salvar os porcos".

O insólito aconteceu no sábado à tarde, na vila de Bramham, perto de Leeds, Inglaterra. Os podómetros são usados para provar que os porcos vivem ao ar livre. Não houve registo de feridos, pessoas ou animais, no incêndio.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG