Mundo

Navios dos EUA, França e Grã-Bretanha cruzam estreito de Ormuz

Navios dos EUA, França e Grã-Bretanha cruzam estreito de Ormuz

Navios britânicos e franceses juntaram-se a um porta-aviões norte-americano, constituindo uma flotilha de seis navios de guerra que atravessou o sensível Estreito de Ormuz, anunciou, este domingo, o ministro britânico da Defesa.

Em finais de Dezembro, Teerão ameaçou fechar o estreito, pelo qual transita uma importante quantidade do petróleo transportado por via marítima em todo o mundo, face às sanções impostas pelos países ocidentais para impedir as exportações petrolíferas do Irão e assim forçar o país a renunciar ao controverso programa nuclear.

Os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, que vão reunir-se esta segunda-feira em Bruxelas, deverão acordar sanções ao banco central do Irão e anunciar um embargo ao petróleo iraniano.

Estados Unidos, França, Reino Unido e Alemanha acusam o Irão de procurar construir uma bomba nuclear, mas Teerão afirma que a sua investigação nuclear é pacífica.