Guerra

Nova vaga de ataques russos em várias regiões da Ucrânia

Nova vaga de ataques russos em várias regiões da Ucrânia

As Forças Armadas russas lançaram, esta segunda-feira, uma nova vaga de ataques em várias regiões da Ucrânia, de acordo com as autoridades ucranianas, que confirmaram a ativação de alarmes antiaéreos em todo o território.

Um porta-voz da Força Aérea ucraniana informou sobre o lançamento de um primeiro lote de mísseis e levantou a possibilidade de Moscovo estar a realizar os ataques em diferentes fases, de forma a enganar os sistemas de defesa antiaérea. Entre as regiões afetadas pelos ataques, que já terão provocado dois mortos, estão Zaporijia, Odessa, Cherkasi, Kharkiv, Dnipropetrovsk e Poltava.

As autoridades ucranianas referem que, mais uma vez, os ataques visam principalmente as infraestruturas energéticas do país, acreditando que irão existir novos cortes de eletricidade.

PUB

A operadora estatal de eletricidade ucraniana Ukrenergo informou hoje que o país registou um novo corte geral no fornecimento de eletricidade no contexto de uma situação que "permanece complicada".

A Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro deste ano, desencadeando uma guerra que mergulhou a Europa naquela que é considerada a crise de segurança mais grave desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

A invasão russa - justificada pelo presidente russo, Vladimir Putin, com a necessidade de "desnazificar" e desmilitarizar a Ucrânia para segurança da Rússia - foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que tem respondido com envio de armamento para a Ucrânia e imposição à Rússia de sanções políticas e económicas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG