O Jogo ao Vivo

EUA

Número de mortos no desabamento de edifício na Florida sobe para 46

Número de mortos no desabamento de edifício na Florida sobe para 46

O balanço de mortos do desabamento de um edifício, em Miami-Dade, subiu para 46 pessoas, depois das equipas de resgate encontrarem mais 10 corpos esta quarta-feira, revelou o chefe assistente dos bombeiros, Raide Jadallah, às famílias das vítimas.

Segundo os últimos dados disponibilizados, as equipas a trabalhar nas buscas só conseguiram identificar apenas 32 vítimas, num cenário em que mais de 100 pessoas continuam desaparecidas.

Os socorristas encontram-se no 14.º dia de buscas, após a demolição do edifício Champlain Towers South no domingo passado.

"Neste momento, estamos em modo de busca e salvamento", disse o diretor da polícia do condado, Freddy Ramirez, numa conferência de imprensa, na terça-feira à noite.

Apesar das declarações de Ramirez, o chefe dos bombeiros do Miami-Dade, Alan Cominsky, admitiu que a situação atual das buscas não é "nada positiva".

As más condições climatéricas, provocadas pela tempestade Elsa, atrasaram as equipas de resgate nas buscas, com ventos fortes e chuva intensa a atingirem o estado da Florida, durante o fim de semana.

PUB

O desabamento do edifício deu-se no dia 24 de junho e foi gravado em vídeo que, segundo as imagens, mostra o centro do edifício, formado por três torres adjacentes, a cair primeiro.

Existem dois relatórios, realizados em 2018 e 2020, que apontaram "danos estruturais significativos" nas Torres Champlain e "fissuras na cave" do edifício, com recomendações para a realização de obras.

A presidente municipal do condado, Daniella Levine Cava, já prestou declarações e garantiu que o Governo municipal está a rever as questões de segurança dos edifícios e desenvolver recomendações "para garantir que uma tragédia como esta" nunca volte a acontecer.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG