Mundo

Obama pediu ao Congresso para adiar votação sobre ação militar na Síria

Obama pediu ao Congresso para adiar votação sobre ação militar na Síria

O Presidente norte-americano, Barack Obama, pediu, esta noite, ao Congresso para adiar a votação sobre uma ação militar na Síria, defendendo que deve ser dada uma oportunidade ao plano delineado por Moscovo para neutralizar as armas químicas sírias.

"Eu pedi, por isso, aos líderes do Congresso que adiassem a votação para autorizar o uso da força enquanto prosseguimos neste caminho diplomático", afirmou Barack Obama, num discurso a partir da Casa Branca, transmitido em direto pela televisão.

Estava prevista para hoje uma primeira votação pelo Senado norte-americano sobre o projeto de resolução autorizando os Estados Unidos a intervir militarmente na Síria.

No seu discurso à nação, Barack Obama adiantou que, no contexto desse caminho da diplomacia, o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, vai rumar a Genebra para se encontrar o seu homólogo russo na quinta-feira.