Mundo

Guiné-Bissau acusa Portugal de apoiar golpe de Estado

Guiné-Bissau acusa Portugal de apoiar golpe de Estado

O Governo da Guiné-Bissau acusou, domingo à noite, Portugal, a CPLP e o ex-primeiro-ministro Carlos Gomes Júnior de estarem por trás dos ataques numa caserna em Bissau, com o objetivo de "derrubar o Governo".

"O Governo considera Portugal, a CPLP e Carlos Gomes Junior como os promotores desta tentativa de desestabilização, cujo objetivo e estratégia" era "derrubar o Governo", afirma um comunicado lido pelo ministro das Comunicações, Fernando Vaz, e citado pela France Presse.

O texto acrescenta que era objetivo do ataque "colocar em causa o processo político em curso, com o único objetivo, de fazer voltar Carlos Gomes Júnior ao poder, e de justificar igualmente a presença de uma força internacional" de estabilização em Guiné-Bissau.