EUA

Passageiros de avião acidentado usaram máscaras de oxigénio ao contrário

Passageiros de avião acidentado usaram máscaras de oxigénio ao contrário

Um avião que, na terça-feira, fazia a ligação entre Nova Iorque e Dallas, EUA, teve de aterrar de emergência em Filadélfia depois de um dos motores ter rebentado. Durante a semana, vários funcionários de companhias aéreas alertaram para o uso errado dos mecanismos de segurança a bordo.

Na sequência do acidente com o avião da Southwest Airlines, que transportava 143 passageiros e cinco tripulantes, foram partilhadas, nas redes sociais, imagens captadas dentro da aeronave que mostravam muitos passageiros a usarem incorretamente as máscaras respiratórias de emergência.

Segundo a BBC, alguns assistentes de bordo de várias companhias aéreas manifestaram, na Internet, desagrado pelo genérico desinteresse pelas explicações dos funcionários quanto às medidas de segurança em casos de emergência, feitas no início de cada viagem aérea. Um "tweet", postado por um ex-comissário de bordo e especialista na área, foi partilhado online mais de 10 mil vezes.

"Ouçam os comissários de bordo. Quase toda a gente nesta foto do SouthwestAir SWA1380, está a usar a máscara de forma errada. Baixem os telemóveis, parem com as selfies e ouçam", escreveu Bobby Laurie, acrescentando que a forma correta de utilizar o aparelho é cubrindo "o nariz e a boca".

De acordo com a estação de televisão britânica, Bobby Laurie trabalhou em companhias aéreas dos EUA durante dez anos e ajudou a desenvolver guias de como agir em caso de emergência usados pela American Airlines. Disse à BBC que, quando teve acesso à filmagem do voo, foi-lhe impossível não reparar nas máscaras. "Obviamente que todos estão perante uma situação que não esperavam e estão em pânico. Mas é feita uma demonstração de segurança no início de cada voo, em qualquer parte do mundo", sublinhou.

O acidente com o avião da Southwest Airlines, que caiu na sequência de uma falha no motor, provocou uma vítima mortal.