Balanço

Pelo menos 51 mortos nas inundações e deslizamentos de terra no norte da Turquia

Pelo menos 51 mortos nas inundações e deslizamentos de terra no norte da Turquia

Pelo menos 51 pessoas morreram nas inundações e deslizamentos de terra que afetaram três províncias da costa norte da Turquia, segundo os últimos dados avançados este domingo pelas autoridades turcas.

"Devido às enchentes, 43 dos nossos cidadãos morreram em Kastamonu, sete em Sinop e um em Bartin", adiantou a equipa de resgate em comunicado.

"Nove pessoas continuam a ser tratadas em vários hospitais", acrescentou.

As chuvas torrenciais destruíram casas, estradas e várias pontes, isolando centenas de pessoas em vários locais.

A localidade mais afetada foi Bozkurt, com uma população de 5.400 habitantes onde o nível da água atingiu quatro metros, após o transbordar de um rio.

O fluxo de água danificou ainda as fundações de vários edifícios e deixou dezenas de pessoas encurraladas.

Não há dados oficiais sobre o número de desaparecidos, mas a estação turca NTV garante haver relatos de mais de 100 desaparecidos.

PUB

Mais de 1700 pessoas foram evacuadas por terra e com helicópteros e foram temporariamente alojadas em residências de estudantes na área.

Os serviços de emergência turcos mobilizaram uma equipa de 2500 operacionais de busca e salvamento, com 313 veículos, nove helicópteros e 30 embarcações.

Diversos cientistas estabelecem uma ligação entre o aquecimento global causado pela atividade humana e a ocorrência cada vez mais frequente de acontecimentos climáticos extremos.

A Turquia foi palco nos últimos meses de várias catástrofes naturais, nomeadamente episódios de seca e violentos fogos florestais.

Vários responsáveis políticos e associações exortaram o governo a tomar medidas radicais para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa.

A Turquia não ratificou o acordo de Paris sobre o clima de 2015.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG