Fogo

Perto de 170 pessoas retiradas de casa devido a incêndio na Catalunha

Perto de 170 pessoas retiradas de casa devido a incêndio na Catalunha

Perto de 170 pessoas foram retiradas de casa devido ao incêndio florestal que começou no sábado perto da Tarragona e que este domingo alastrou para a região de Barcelona, tendo já consumido uma área de 1295 hectares.

Segundo os bombeiros, a maioria das pessoas retiradas das suas casas foram realojadas em edifícios de serviços sociais locais, tendo sido pouquíssimos os que optaram por ficar em casas de familiares.

A maior parte das pessoas realojadas temporariamente mora em quintas ou casas isoladas dos municípios de Sant Martí de Tous, Santa Margarida de Montbui e Santa Coloma de Queralt, na província de Tarragona, na Catalunha.

Os bombeiros indicaram também que cerca de 40 crianças e monitores de uma colónia de ferias de Santa Margarida de Montbui também foram retirados, mas hoje à tarde já devem regressar ao local onde estavam a passar férias.

O corpo de agentes rurais indicou que, até às 14 horas locais (13 horas em Portugal continental), as chamas tinham consumido uma área total de 1295 hectares, 940 dos quais de floresta e 350 campos agrícolas, sobretudo nos municípios de Bellprat (Barcelona), Les Piles, em Santa Coloma de Queralt, Santa Maria de Miralles e Pontils.

Cerca de 850 hectares queimados pelo fogo fazem parte da área protegida do Sistema Prelitoral Central.

Os operacionais afimaram que o incêndio está sem controlo e a progredir.

PUB

No terreno estão 138 equipas terrestres de bombeiros, agentes rurais, polícias, Cruz Vermelha e da emergência médica, mais de 200 efetivos da Unidade Militar de Emergencia e dezoito meios aéreos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG