Redes sociais

Polícia britânica investiga ameaça a J.K. Rowling após mensagem de apoio a Rushdie

Polícia britânica investiga ameaça a J.K. Rowling após mensagem de apoio a Rushdie

A polícia britânica está a investigar uma ameaça de morte dirigida à autora de Harry Potter, J.K. Rowling, após uma publicação no Twitter em apoio a Shalman Rushdie, esfaqueado nos EUA, anunciou uma porta-voz da polícia da Escócia, onde a escritora reside.

Rowling reagiu à notícia do ataque a Rushdie desejando-lhe rápidas melhoras e afirmando estar cansada de violência. Um cidadão que se apresenta, no perfil daquela rede social, como estudante e ativista político de Karachi, no Paquistão, respondeu: "Não se preocupe, você é a próxima".

Apesar de a mensagem ter sido apagada, a escritora já a tinha guardado e publicou-a.

PUB

"Recebemos informações sobre uma ameaça feita online e os nossos agentes estão a investigar", disse a porta-voz da polícia.

De referir que os médicos já retiraram o ventilador a Salman Rushdie e o escritor britânico já conseguiu falar, revelou Michael Hill, presidente da Chautauqua Institution, o centro cultural no estado de Nova Iorque onde o autor inglês foi esfaqueado na sexta-feira.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG