Mundo

Polícia detém alegados autores de atentados contra Ikea

Polícia detém alegados autores de atentados contra Ikea

A polícia polaca confirmou este sábado a detenção, na Polónia, de dois presumíveis autores dos recentes atentados à bomba contra lojas do gigante sueco de mobiliário Ikea, na Europa.

"Os agentes do Departamento Central de Inquéritos interpelaram dois homens responsáveis por uma série de explosões na Europa. O objectivo da sua acção criminosa era obter o pagamento de uma quantia de seis milhões de euros da parte da cadeia de hipermercados Ikea", segundo um comunicado da polícia.

Os dois homens, de 39 anos e identificados como Adam K. e Mikolaj G., foram interpelados no Noroeste da Polónia.

"Adam K. é um antigo gestor de muitas grandes empresas. Conhece perfeitamente quatro línguas e dispõe de largas competências técnicas e informáticas. O seu cúmplice, Mikolaj G, tem cadastro por uma implicação em tráfico de estupefacientes", precisou a polícia no seu sítio electrónico.