Ataque

Polícia morre ao tentar desativar explosivo colocada perto de igreja no Cairo

Polícia morre ao tentar desativar explosivo colocada perto de igreja no Cairo

Um polícia morreu, este sábado, ao tentar desativar um engenho explosivo colocado perto de uma igreja do Cairo, um dia antes das celebrações das missas de Natal pela comunidade cristã copta do Egito, disse fonte dos serviços de segurança.

A explosão ocorreu perto da igreja Virgem Maria e São Mercúrio, situada na área de Ezbet al Hagana, no bairro de Nasr City, leste da capital, quando o especialista em explosivos tentava desativar o artefacto colocado dentro de uma mala e a pouco metros do templo cristão.

Além da morte do polícia, identificado como Mustafa Obid, pelo menos dois soldados ficaram feridos na explosão. O atentado não foi de momento reivindicado por qualquer organização.

As Forças Armadas egípcias reforçaram as medidas de segurança no decurso das celebrações de Natal da minoria cristã, cerca de 10% da população do Egito, e que tem sido alvo de diversos atentados sangrentos de grupos 'jihadistas' nos últimos anos.