Suíça

Polícia suíça encontra 500 quilos de cocaína em fábrica da Nespresso

Polícia suíça encontra 500 quilos de cocaína em fábrica da Nespresso

A polícia suíça apreendeu 500 quilos de cocaína dissimulados num carregamento de grãos de café provenientes do Brasil e que foram entregues numa fábrica da Nespresso.

Trabalhadores da fábrica Romont, no cantão suíço ocidental de Friburgo, alertaram, na segunda-feira, as autoridades para um misterioso pó branco encontrado em sacos de grãos de café, revelou a polícia.

Foi encontrada "uma substância branca indeterminada quando foram descarregados os sacos de grãos de café acabados de entregar", disse a polícia de Fribourg.

Uma busca de cinco contentores marítimos "transportados no mesmo dia por comboio levou à apreensão de mais de 500 quilos da droga", acrescentaram as autoridades, indicando que foi criado um grande perímetro de segurança em torno da fábrica durante a operação com o envolvimento de funcionários aduaneiros.

A investigação estabeleceu que a remessa teve origem no Brasil, segundo a polícia, acrescentando que a cocaína apreendida tinha 80% de pureza e um valor estimado de venda de mais de 50 milhões de francos suíços (48 milhões de euros).

"Parece que todas as drogas se destinavam ao mercado europeu", disse a polícia, esclarecendo que a droga não contaminou a produção da fábrica de café.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG