Crime

Português condenado a 16 anos de prisão por roubar e violar idosos em França

Português condenado a 16 anos de prisão por roubar e violar idosos em França

Um português, de 22 anos, foi condenado, esta quinta-feira, em França, a 16 anos de prisão por roubos a duas vítimas sexagenárias.

O jovem português, que admitiu os roubos, que ocorreram em 2017, era ainda suspeito de ter violado duas pessoas na casa dos sessenta anos, mas negou os crimes.

João Gomes Gonçalves entrava armado em casa dos reformados, aproveitando um andaime para escalar o prédio e entrar pela janela.

O procurador do tribunal de Nice tinha pedido que o arguido fosse condenado a 18 anos de cadeia. Já o advogado de defesa tentou descredibilizar os relatórios dos psicólogos do jovem português que não detetaram qualquer doença mental.

O emigrante ainda tem dez dias para recorrer da decisão.

Outros Artigos Recomendados