Noruega

Primeiro-ministro norueguês assume derrota eleitoral

Primeiro-ministro norueguês assume derrota eleitoral

O primeiro-ministro norueguês, Jens Stoltenberg, assumiu a derrota nas eleições legislativas e anunciou que vai apresentar a demissão no próximo mês, após a apresentação do Orçamento, marcada para 14 de outubro.

"Conforme a tradição parlamentar norueguesa, vou apresentar a demissão do meu Governo após a apresentação do Orçamento, a 14 de outubro, quando será claro que há uma base parlamentar para o novo Governo", afirmou o líder trabalhista, aos seus apoiantes.

A oposição de direita, liderada pela conservadora Erna Solberg, ganhou as eleições legislativas norueguesas com pelo menos 54,7% dos votos quando estava apurados 52,6% dos resultados, cerca das 22 horas (em Portugal continental).

Erna Solberg, que concorria contra Jens Stoltenberg, no poder desde 2005 e que liderava nestas eleições a coligação de centro-esquerda, reclamou, perante os seus apoiantes, uma "vitória eleitoral histórica".