Argentina

Professora anda 10 km para levar trabalhos de casa a alunos sem Internet

Professora anda 10 km para levar trabalhos de casa a alunos sem Internet

María Caballero é professora em Santa Fe, Argentina, e todas as semanas viaja dez quilómetros para entregar materiais de trabalho a alunos sem computador, televisão ou Internet.

A pandemia de Covid-19 suspendeu as aulas presenciais em muitas escolas um pouco por todo o mundo e obrigou as instituições a adotar modelos alternativos como o ensino à distância pela Internet ou televisão.

No entanto, como nem sempre é possível chegar a todos os alunos, uma professora da Argentina decidiu deslocar-se vários quilómetros, por semana, para levar materiais de trabalho, como exercícios, trabalhos de casa ou livros, a alunos desprovidos de meios tecnológicos ou mais tradicionais.

María Caballero desloca-se a habitações em zonas mais rurais de Santa Se, na Argentina, onde não há Internet ou TV, para auxiliar cerca de 20 alunos. Além de ensinar, a professora ajuda com os trabalhos de casa e na comemoração dos aniversários.

"Faço cadernos para eles, coloco-os em saquinhos e saio para distribuí-los. Uma semana depois, recolho-os com os trabalhos de casa. Conversamos também à distância. Eles dizem-me o que não entenderam e eu tento explicar", cita o site argentino Infobae.

De acordo com Caballero, algumas crianças têm que andar mais de três quilómetros para chegar às aulas e muitas vezes, quando chove, nem sempre conseguem ir.

Além de ajudar com a matéria propriamente dita, a professora também compra outros materiais de trabalho. "Trouxe-lhes tesoura, papel colorido e cola porque eles têm que fazer artesanato. É importante que os meninos tenham criatividade e que se divirtam hoje em dia", afirma.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG