Pandemia

"Raio de esperança". Estudo revela que dois terços dos indianos têm anticorpos contra a covid-19

"Raio de esperança". Estudo revela que dois terços dos indianos têm anticorpos contra a covid-19

Até dois terços da população da Índia podem ter sido infetados com covid-19, sugeriu um estudo do governo divulgado na terça-feira.

A investigação, que incluiu cerca de 29 mil pessoas em junho e julho, mostrou que 67,6% dos testados tinham anticorpos.

Os resultados do estudo do Conselho Indiano de Investigação Médica (ICMR) mostram o impacto de um aumento devastador de casos em abril e maio, quando a Índia registou cerca de 400 mil casos e quatro mil mortes por dia.

Em dezembro e janeiro, menos de 25% dos participantes de um estudo semelhante apresentavam anticorpos.

Balram Bhargava, diretor do ICMR, afirmou que o estudo mostra que "há um raio de esperança". "Mas não há espaço para complacência. Devemos manter um comportamento adequado à covid", continuou.

Apenas 13% dos adultos no estudo estavam totalmente vacinados. A Índia, onde vivem 1,3 mil milhões de pessoas, vacinou apenas cerca de 8% dos adultos elegíveis, gerando temores de uma onda iminente de casos à medida que ameniza as restrições contra a pandemia.

PUB

O número oficial de mortes na Índia, de 418480, é o terceiro maior do mundo, depois das 609 mil mortes nos EUA e 544 mil no Brasil. Porém, um relatório de um grupo de investigadores norte-americanos, também divulgado na terça-feira, estimou que o número real de mortos na Índia pode ser até 10 vezes maior.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG