Tempestade

Relâmpagos matam 16 pessoas em casamento no Bangladesh

Relâmpagos matam 16 pessoas em casamento no Bangladesh

Uma série de relâmpagos atingiu uma festa de casamento no Bangladesh em poucos segundos, esta quarta-feira, matando 16 pessoas e ferindo o noivo.

O grupo tinha acabado de deixar um barco na cidade ribeirinha de Shibganj para se proteger da tempestade quando o relâmpago caiu, contou Sakib Al-Rabby, administrador do governo da cidade, em declarações à AFP.

Dezasseis pessoas morreram quando vários relâmpagos atingiram o distrito oeste de Chapainawabganj em açguns segundos. O noivo ficou ferido, mas a noiva saiu ilesa, uma vez que não estava na festa.

Fortes tempestades de monções atingiram Bangladesh recentemente. Uma semana de chuvas torrenciais no distrito de Cox's Bazar, no sudeste, fez cerca de 20 mortos, incluindo seis refugiados Rohingya.

Os relâmpagos matam centenas de pessoas por ano naquele país. De acordo com dados oficiais, houve mais de 200 mortes por raios em 2016, com 82 pessoas a morrer num único dia em maio. Porém, muitas mortes não são registadas oficialmente. Um grupo independente contabilizou pelo menos 349 mortes causadas por relâmpagos por ano.

Alguns especialistas consideram que o desflorestação aumentou o número de mortos. Nesta conjuntura, o Bangladesh decidiu plantar centenas de milhares de palmeiras para tentar amenizar o impacto da mudança climática e reduzir o número de mortes causadas por relâmpagos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG