Televisão

Repórter alemã suja-se com lama antes de direto sobre as inundações

Repórter alemã suja-se com lama antes de direto sobre as inundações

"Erro grave" valeu-lhe a suspensão do canal. Susanna Ohlen pediu desculpa e explicou que teve vergonha de aparecer com a roupa limpa numa cidade onde morreram dezenas de pessoas.

A repórter alemã Susanna Ohlen, de 39 anos, destacada para fazer a cobertura noticiosa das cheias na cidade de Bad Münstereifel, na Renânia do Norte-Vestfália, foi apanhada a sujar a própria roupa com lama momentos antes de entrar em direto. O vídeo, que se tornou viral nas redes sociais, valeu-lhe a suspensão do canal RTL, por "violação das regras".

"Foi um erro grave", assumiu Susanna, explicando que se sentiu envergonhada de surgir nas imagens com peças de roupa totalmente limpas numa altura em que as chuvas torrenciais destruíram casas e mataram dezenas de pessoas só em Bad Münstereifel.

"Depois de ter ajudado as equipas de socorro nos dias anteriores, fiquei com vergonha de aparecer à frente da câmara com roupas limpas. Por isso, sem pensar bem, passei lama nas roupas", afirmou.

Breves instantes que foram captados em vídeo e partilhados na Internet. A repórter já pediu desculpa pela atitude, "que nunca devia ter acontecido".

Pelo menos 169 pessoas morreram nas inundações registadas na semana passada na Alemanha. Só no estado alemão da Renânia-Palatinado, um dos mais afetados pelas chuvas torrenciais e pelas consequentes inundações e enxurradas, foram confirmados 121 mortos.

PUB

A chanceler alemã, Angela Merkel, esteve, no passado domingo, na região da Renânia do Norte-Vestfália, reconhecendo que estas cheias "estão além da imaginação".

"São inundações que estão além da imaginação, quando vemos os seus efeitos no terreno", afirmou a chanceler, ao constatar os danos na pequena localidade medieval de Bad Münstereifel.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG