Madrid

Roubo de cabo de fibra ótica pára comboios de alta velocidade em Espanha

Roubo de cabo de fibra ótica pára comboios de alta velocidade em Espanha

A ligação de comboios de alta velocidade entre Madrid e a Catalunha foi interrompida, durante mais de cinco horas, devido ao roubo de cabos de fibra ótica. Um jovem de 19 anos de idade já foi detido e a polícia investiga se existiram cúmplices.

O roubo de 600 metros de cabo de fibra ótica durante a madrugada desta segunda-feira fez com que a linha de alta velocidade entre Madrid e a Catalunha ficasse interrompida durante mais de cinco horas. Os técnicos da infraestrutura ferroviária detetaram as falhas em ambos os carris num percurso de 200 metros, entre L'Arboç e La Pobla de Montornès.

O ato de vandalismo ocorreu por volta das duas horas e meia da manhã e foram detetados problemas nas comunicações, sinalização, sistemas de controlo remoto de energia, detetores de objetos em queda e outros dispositivos de segurança.

PUB

O crime causou atrasos e suspensões nos comboios AVE, AVLO e Ouigo desde as 6 da manhã, hora da primeira viagem marcada.

A Polícia da Catalunha deteve um indivíduo de 19 anos e mantém a investigação aberta para perceber se o suspeito teve cúmplices. O roubo teve lugar no município de Santa Oliva (Tarragona).

Durante a manhã, os comboios da empresa Ouigo cobriram a rota Puerta de Atocha-Camp de Tarragona.

Na estação de Atocha, em Madrid, centenas de passageiros esperaram em longas filas pelo retomar das ligações.

Foi só por volta das onze e meia da manhã que as linhas voltaram ao seu funcionamento normal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG