Covid-19

Tailândia comove internautas com viseiras para recém-nascidos

Tailândia comove internautas com viseiras para recém-nascidos

As maternidades tailandesas estão a enternecer a Internet com a aquisição de pequenas viseiras que protegem os recém-nascidos da Covid-19 no país.

As imagens divulgadas pelo Hospital Praram 9, em Bangkok, mostram a solução criativa que evita o contacto de partículas emitidas por quem se aproxima dos bebés.

O Hospital Paolo, em Samut Prakan, tem vindo a adotar a mesma medida. "Temos medidas de proteção extra para os nossos pequeninos", referiu o estabelecimento de saúde numa publicação na página oficial do Facebook.

Na província tailandesa, o Hospital Princ Suvarnabhumi decora as viseiras com coroas de príncipes e princesas, azuis e vermelhas, de acordo com o género dos recém-nascidos.

Até ao momento, Tailândia já registou mais de 2400 casos Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus.

O número de mortos ultrapassou os 30 e mais de mil pacientes foram considerados recuperados.

Foram confirmados 50 novos casos esta sexta-feira, bem como a morte de uma mulher de 43 anos.

Outras Notícias