Natureza

Tempestade traz manto de espuma às praias da Austrália mas há risco de cobras marinhas

Tempestade traz manto de espuma às praias da Austrália mas há risco de cobras marinhas

As fortes tempestades que assolaram a Austrália nos últimos dias trouxeram um manto de espuma às praias da Nova Gales do Sul e de Queensland. Muitos têm-se divertido, mas as autoridades estão a pedir às pessoas para permanecer longe da costa, uma vez que entre a espuma podem aparecer cobras marinhas e materiais perigosos.

A chuva, as inundações e a erosão costeira criaram um fenómeno em algumas praias australianas. Um manto de espuma ocupou o areal dos estados de Nova Gales do Sul e de Queensland. O incidente da Natureza, que resulta da agitação marítima, forma uma massa de algas, lixo e vários poluentes, o que pode originar o aparecimento de cobras marinhas, cuja dentada é venenosa, embora com baixo risco de morte.

O certo é que, nos últimos dias, têm-se visto várias crianças a brincar no areal e turistas a passear entre a espuma. Ao jornal britânico "The Guardian", Nathan Life, da equipa de salvamento da cidade de Gold Coast, explica que a espuma guarda "muitos destroços" como árvores, troncos e outros objetos que foram arrastados com a força do mau tempo.

Pelo menos, o estado de Nova Gales do Sul está sob alerta devido às inundações, cujos efeitos deverão continuar a sentir-se nos próximos dias. Além do perigo das cobras marinhas e do lixo no areal, Nathan Life afirma que o manto de espuma pode enganar: as ondas do mar podem não ser visíveis e há o risco de se ser arrastado pela maré, sem ser dar conta.

Uma das imagens mais partilhadas do momento no país é a procura de um cão numa praia de Gold Coast: um vídeo nas redes sociais mostra várias pessoas a tentar encontrar o animal na espuma, cuja massa era tão densa e volumosa que estava pela altura dos joelhos.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG