EUA

Atirador de Los Angeles que matou dois colegas faz hoje 16 anos

Atirador de Los Angeles que matou dois colegas faz hoje 16 anos

Dois jovens morreram e pelo menos outros três ficaram feridos depois de um adolescente ter aberto fogo numa escola secundária na California, em Los Angeles, EUA.

De acordo com o "Los Angeles Times", as autoridades anunciaram a detenção do atirador cerca de uma hora depois de se terem ouvido os primeiros disparos de arma, na Saugus High School, logo às 7.30 da manhã, à hora da primeira aula do dia.

O suspeito é, ao que tudo indica, um estudante da escola que escolheu o dia em que fazia 16 anos para perpetrar o ataque, que durou menos de 20 segundos. Foi transportado para o hospital com ferimentos de arma na cabeça, não sendo para já conhecida a sua condição clínica, avançou o xerife Kent Wegener. De acordo com o responsável pela operação, o adolescente estava de pé, na zona do recreio, quando sacou uma pistola de calibre 45 da mochila e abriu fogo contra os outros estudantes antes de virar a arma para si próprio.

Das outras cinco vítimas, duas (uma adolescente de 16 e e um rapaz de 14) morreram na escola e outras três (uma rapariga de 15 anos e um rapaz e outra rapariga de 15 anos) foram encaminhadas para o Henry Mayo Newhall Hospital.

Tanto a Saugus High School, onde ocorreu o tiroteio, como todas as escolas da zona foram evacuadas. Alguns alunos do estabelecimento escolar foram assistidos no recinto escolar e muitos mantiveram-se trancados dentro das salas de aula durante mais de uma hora, enquanto as autoridades procuravam pelo atirador. Quando saíram da escola, encaminhados pela Polícia, vários estavam afogados em lágrimas, reporta o "Los Angeles Times".