Mundo

Um dos casos "importados" de coronavírus na China é oriundo de Espanha

Um dos casos "importados" de coronavírus na China é oriundo de Espanha

Um dos dois casos "importados" de infeção pelo Covid-19, detetados hoje na China, é oriundo de Espanha, informou a televisão estatal, numa altura em que o país asiático tenta travar casos oriundos do exterior.

Trata-se de um dos dois únicos casos detetados esta terça-feira no país, fora da cidade de Wuhan, de onde o vírus é originário, e que está desde janeiro sob quarentena, com entradas e saídas bloqueadas, segundo a televisão estatal CCTV.

O caso foi registado na província de Guangdong, adjacente a Macau, e trata-se de um estudante chinês que regressou de Espanha num voo que parou em Hong Kong.

O viajante testou positivo para o coronavírus num exame realizado em Shenzhen, cidade que faz fronteira com a antiga colónia britânica.

O outro caso "importado" anunciado esta terça-feira pela Comissão Nacional de Saúde foi detetado em Pequim e é oriundo do Reino Unido.

O número de casos oriundos do exterior subiu assim para 69 na China, que soma, no total, 80.754 infetados e 3.136 mortos devido ao novo coronavírus, a maioria a nível mundial.

Em várias cidades chinesas, os controlos aeroportuários foram fortalecidos e medidas de quarentena estão a ser aplicadas a viajantes oriundos do Irão, Itália, Coreia do Sul ou Japão.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG